Nesta sexta-feira (14) a escritora Ana Maria Machado (74) foi homenageada na 6ª edição da Festa Literária Internacional de Cachoeira (Flica) e emocionou a todos os participantes. A escritora falou sobre a importância da leitura, tanto em âmbito global quanto na formação pessoal.

A escritora, que também é jornalista, professora e pintora participou da terceira mesa no Convento do Carmo onde se sentiu à vontade para dissertar sobre a literatura. A escritora fez uma crítica contundente ao mencionar que muitos professores atualmente não gostam de ler. Sobre a capacidade de envolvimento da leitura a escritora afirmou que a partir da literatura é possível se viver outras realidades.

Ana Maria Machado ainda ressaltou que não se importa com a crítica, posto que, por mais que seja criticada ele entende que o crítico diz o que sua vontade quiser. Esta fala foi um preâmbulo da resposta quanto ao rótulo de feminista que lhe é dado por alguns críticos. Todavia, a escritora ressalta que na verdade ela não se visualiza rotulada como feminista ou não.

Neste sábado a programação da Flica começa às 10hs com a primeira mesa com Juan Gabriel Vásquez – colombiano e Antônio Prata.