Nesta segunda-feira (16) a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) divulgou que um medicamento a base de cannabis sativa, conhecida como maconha, será autorizado a ser vendido no Brasil. O registro é para a comercialização do medicamento e deverá incluir todos os protocolos existentes no mercado.

O Mevatyl é indicado para o tratamento de pessoas adultas diagnosticadas com espasmos relacionados a esclerose múltipla. Conhecido internacionalmente como Sativex este medicamento a base de maconha já é permitido em 28 países e a empresa detentora da patente e comercialização é a britânica GW Pharma Limited. No Brasil a responsável pela distribuição do medicamento é a Beaufour Ipsen Farmacêutica Ltda sediada em São Paulo/SP.