Congresso pode parar a qualquer momento após divulgação das delações

Pelos corredores do Senado e da Câmara dos Deputados neste momento a palavra que paira no ar é apreensão!

0
592
Foto|Reprodução

Nesta quarta-feira (12) serão divulgados os conteúdos das delações realizadas durante as fases da Operação Lava Jato. O Ministro do Supremo Tribunal Federal Edson Fachin disponibilizará áudios, vídeos e textos para que o povo brasileiro possa avaliar e tirar as próprias conclusões a respeito da respectiva operação.

O presidente do Congresso – Rodrigo Maia (DEM-RJ) – que chegou a cancelar as atividades do Congresso na noite desta terça-feira (11) após divulgação da lista tenta manter a normalidade nesta quarta-feira. Pelos corredores do Senado e da Câmara dos Deputados neste momento a palavra que paira no ar é apreensão!

Embora o presidente da Câmara tenha afirmado que a lista de Fachin não atrapalharia o andamento das sessões ele cancelou a sessão de votação do projeto de renegociação das dívidas dos estados na noite de terça-feira. O que chamou a atenção de um dos correspondentes do site da Guanambi FM foi o esvaziamento rápido da plenária logo após divulgação da lista. No momento haviam 446 deputados e em menos de 20 minutos todos haviam saído.

Redação 96FM
Jornalista Responsável Repórter Radiola MTB 5173/BA

Deixe comentário

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui