Uma partida abriu as quartas de final da Libertadores na noite desta terça-feira (19), e teve time encaminhando a classificação para a próxima fase.

E não foi qualquer equipe. O Grêmio, atual campeão do torneio, deu um passo importante para chegar nas semifinais. Isso porque o time comandado por Renato Portaluppi derrotou o time argentino do Atlético Tucumán, fora de casa, por dois a zero.

O nome da noite foi Alisson. Novidade na escalação, o meia marcou aos 34 da primeira etapa. Depois, aos 43, levou um pisão nas costas e foi responsável pela expulsão de Nuñez, ex-Botafogo. Após consultar o VAR, o árbitro mandou o agressor mais cedo para o chuveiro.

No segundo tempo, Alisson deu passe para Éverton Cebolinha matar a partida. Final, Atlético Tucumán zero, Grêmio dois. Com a vantagem, o Tricolor pode perder por até um gol de diferença no jogo de volta que ainda assim fica com a vaga na semifinal.

A bola não para de rolar pela Liberta na noite desta quarta-feira, com mais um confronto Brasil e Argentina. Na tradicional La Bombonera, o Boca Juniors encara o Cruzeiro na partida de ida das quartas de final. A bola rola a partir das nove e quarenta e cinco da noite, horário de Brasília.

 

 

Reportagem | Raphael Costa

Da Redação | Rafa Nunes