Foto: Polícia

Uma mega operação foi deflagrada na noite desta quarta-feira (13) em Guanambi, as Polícias Militar e Civil, obtiveram êxito total em uma ação rápida e estratégica no objetivo de capturar indivíduos e alguns fugitivos da justiça, além de serem suspeitos de integrarem grupos criminosos que atuam no tráfico de drogas e homicídios na cidade. A facção criminosa atuante liderada por: Fabiano de Almeida, Vulgo (Baú), foi parcialmente desarticulada nessa operação. O fato aconteceu no início da noite desta quarta se estendendo pela madrugada de quinta-feira (14). Ao chegar no local, uma residência no bairro Lagoinha, foram presos em flagrante delito: (05) homens e (01) mulher, sendo todos identificados por: JACKSON DE JESUS RAMOS, vulgo (JACOLINO); VANALTON FERNANDES DE OLIVEIRA JÚNIOR, vulgo (VANALTER); ANTÔNIO CARLOS VIEIRA DE JESUS, vulgo (TUQUINHA); MARCELINO FERREIRA; ROBSON THIAGO PRATES DA SILVA, vulgo (THIAGÃO); MARILENE SANTOS RODRIGUES, vulgo (NEGONA).

Os indivíduos estavam fortemente armados e prontos para realizarem uma investida contra os seus desafetos, contudo foram surpreendidos pelo eficiente trabalho dos guerreiros da segurança pública. No local foram apreendidos: (02) armas de fogo tipo PISTOLAS Calibre .9mm (de uso restrito); (01) Arma de fogo tipo REVÓLVER Calibre .38; (01) Arma de fogo tipo ESPINGARDA Calibre .12; Grande quantidade de munições intactas de diversos calibres, além de luvas. Todas as armas municiadas e prontas para o uso, ainda segundo informações da Polícia, o grupo que foi desarticulado estava pronto para travar uma batalha sangrenta e fatal contra os seus desafetos de grupo rival liderado por: Aldo Berto de Castro, Vulgo (Delton).

Com esta ação a polícia acredita ter contribuído de forma significativa para a redução dos índices de crimes violentos contra vida, uma vez que várias armas que poderiam ser utilizadas pelos meliantes foram retiradas de circulação. O delegado Titular Drº Zé Ribeiro concedeu entrevista exclusiva ao programa 96 notícias e narrou a dinâmica da operação. “Confira no áudio postado nesta página”.

 

Da Redação: Rafa Nunes

Fonte: 22ª COORPIN / 17º BPM