Foto: SAMU 192

Assim que tomou conhecimento da greve nacional dos caminhoneiros, o prefeito Jairo Magalhães tomou diversas atitudes para garantir os serviços emergenciais de saúde na cidade de Guanambi. O prefeito se encontrava em Brasília, onde cumpriu uma vasta agenda oficial, com compromissos em ministérios, onde conseguiu a liberação de recursos e ainda participou de um importante evento municipalista ao lado de centenas de gestores do país.

Foto: Samu 192

De Brasília, na última quarta-feira (23), assim que o movimento de paralisação tomou uma projeção nacional, Jairo entrou em contato com o Secretário de Saúde André Moitinho, onde traçaram um plano emergencial para garantir uma reserva de segurança de combustível para as ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192), que totalizam 4 veículos, sendo 1 motocicleta para deslocamento rápido e 3 ambulâncias, que atendem ocorrências na cidade, zona rural e distritos, e ainda as 9 ambulâncias da Secretaria de Saúde, que atendem a toda rede municipal no deslocamento de pacientes para diversas cidades, HRG, etc.

No plano emergencial, conseguiram uma reserva de segurança com o fornecedor licitado, para o funcionamento dos 13 veículos por seis dias, desde a última quarta-feira, até a próxima terça-feira (29). “Conseguimos fazer a máxima reserva de segurança de combustíveis possível, para que o SAMU não paralisasse o atendimento a população, como também as ambulâncias da Secretaria de Saúde”, disse Jairo.

Já o secretário André Moitinho, o diretor administrativo do SAMU Celso Ribeiro, e o diretor de transportes Rogério Carvalho, pedem a colaboração da população, orientando, sobretudo as crianças, para que não realizem trotes contra os serviços de emergência, para que não prejudique o atendimento, ajudando no controle do combustível. “Esperamos que esta situação se resolva o mais breve possível, fizemos o que estava dentro das nossas possibilidades, assim que notamos a gravidade da situação”, finaliza o prefeito.

 

Por: ASCOM / PMG

Da Redação: Rafa Nunes