Foi confirmada na manhã desta sexta-feira (18) a morte do jovem Bruno Fernandes (23) que estava internado no Hospital Regional de Guanambi desde o último dia 28 de julho quando foram acidentados no centro da cidade.

O Breno, irmão mais velho, 26 anos, morreu no último dia 10 de agosto. O Bruno morreu 8 dias após o irmão, deixando a família ainda mais consternada. O motorista no momento do atropelamento fugiu sem prestar socorro. A polícia investiga o fato de o mesmo, supostamente, ter feito uso de bebida alcoólica.

O caso trouxe muita indignação à comunidade guanambiense. O sepultamento ocorrerá neste sábado(19).