Imagem Ilustrativa

As novas regras do Fies começam a valer no ano que vem para os contratos firmados a partir do primeiro semestre de 2018. O texto foi sancionado pelo presidente Michel Temer, nessa quinta-feira (07), em cerimônia no palácio do Planalto.

 

Em discurso, Temer disse mais uma vez que a marca de seu governo é o diálogo e que agora chega uma nova fase do que chamou de Novo Fies.

A partir do ano que vem vão existir três modalidades. Entre elas, a oferta de vagas com juro zero para os estudantes que tiverem uma renda per capita mensal familiar de até três salários mínimos. O ministro da educação, Mendonça Filho também participou do evento e destacou a mudanças no programa. Também, a partir de 2018, ao conseguir emprego e renda, após a graduação, o ex-aluno vai ter o desconto automático no salário. Outra mudança é a devolução do crédito, que começa a partir do primeiro mês após a conclusão do curso, desde que a pessoa esteja trabalhando.

 

*Para os estudantes que entraram no programa até o segundo semestre deste ano, a migração para o Novo Fies será opcional.

 

 

Da Redação: Rafa Nunes

 

 

Reportagem: Kariane Costa