Foto: Policia Militar / Homenagem ao Capitão Oliveira

Uma grande operação denominada “RUBICÃO” foi desencadeada na madrugada desta sexta-feira (18), na região de Barreiras, Luiz Eduardo Magalhães e simultaneamente nos estados de Sergipe e Bahia. Pelo menos 01 homem foi preso e outros 03 vieram a óbito devido à resistência a ação policial, sendo eles identificados por: Jackson dos Santos; Ernane Mota Pereira, Vulgo: “alemão” e José da Silva, outro indivíduo identificado por: Marcones Silva Lima, foi preso em flagrante.

A ação se deu durante o  cumprimento de vários Mandados de Prisão em desfavor dos envolvidos na morte do Capitão PM/Caatinga: Manoel Oliveira, nos municípios referidos, houve a injusta agressão por parte dos acusados mencionados, que receberam a Policia a tiros, sendo necessário haver o revide que foi pronta e proporcionalmente repelida, sendo os bandidos alvejados e conduzidos aos hospitais  daquelas localidades, para o devido socorro médico, no entanto os médicos plantonistas constataram os óbitos dos mesmos.

Na operação foram apreendidas 03 armas de fogo sendo elas de diversos Calibres, que foram encaminhadas às Delegacias de Barreiras e Luiz Eduardo Magalhães, a fim de realizar o os procedimentos legais.

A operação ocorreu ao mesmo tempo nos estados de Sergipe e Bahia e teve como saldo total oito bandidos mortos, os nomes dos demais ainda não foram divulgados pela Polícia.

O Capitão PM Manoel Oliveira, fundador da CIPE/Caatinga-SE (Companhia Independente de Policiamento Especializado na Caatinga), foi executado a tiros dentro de um veículo em uma estrada do município de Porto da Folha (SE) no dia 4 de abril.

 

 

Da Redação: Rafa Nunes

Fonte: Policia Militar