O aplicativo de denúncias do Ministério Público Eleitoral denominado de Pardal está colocando muitos candidatos que abusam do poder econômico para terem sérios problemas. O atual prefeito do município de Riacho de Santana, região sudoeste do estado, candidato à reeleição Alan Vieira (PSD) foi denunciado pela suposta prática de distribuição de combustíveis para obter apoio de “motoqueiros” em eventos políticos.

O ato configura abuso de poder econômico e até compra de votos e, infelizmente, é uma prática bastante comum em cidades do interior. O aplicativo Pardal está sendo usado este ano nas eleições municipais e já tem colaborado significativamente o Ministério Público e com a justiça eleitoral.