O gol de Phelipe Coutinho, no jogo da Seleção Brasileira contra a Seleção da Costa Rica, foi comemorado por todos, inclusive, pelo técnico do time brasileiro, Tite.

Ele se empolgou tanto em sua comemoração, que acabou levando um tombo. Em entrevista coletiva, ele acabou revelando ter sofrido uma fratura na perna, após a queda.

“Me fisgou. Não é contratura. Fisgada também não é. Rompeu a fíbia. Não consigo andar direito. Na hora da comemoração, estávamos criando volume, toda uma situação. Time focado, criava oportunidades, tudo que queríamos desde o primeiro tempo. No segundo tava acontecendo não é possível, tudo que a gente está fazendo e não sair gol, o Navas tirando tudo, a gente não acredita! Quando saiu o gol, o Ederson me bateu, aí quando eu vi o Cássio me bateu também, aí ferrou. Eu ia lá comemorar junto, mas não deu”, disse ele. que saiu da coletiva de imprensa mancando.

Por Léo Dourado                                  

foto reprodução