Em depoimento ao Juiz Federal Sérgio Moro o ex-presidente da OAS José Aldemário Pinheiro – Léo Pinheiro – afirmou que o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva era o dono do Triplex no Guarujá, que, aliás, foi fruto do recebimento de “propina” para beneficiar a empreiteira que o presenteou.

No depoimento Pinheiro ainda afirma que Lula o mandou destruir provas que tivesse de pagamentos a João Vaccari Neto ex-tesoureiro do PT. Ainda sobre o apartamento Pinheiro detalhou as visitas ao apartamento para customizá-lo para sua família, sendo a primeira em 2013 com a presença da ex-primeira dama Dona Marisa e Lula e a segunda apenas Dona Marisa e um dos filhos de Lula.

Léo afirmou o seguinte: “Os investimentos feitos no apartamento não eram para um apartamento decorado. Era para um apartamento específico para uma família. Com todo respeito à figura do ex-presidente, o apartamento é um apartamento personalizado, não decorado. Foi feito para uma família morar. Se o presidente não quisesse, nós teríamos um belo problema do que fazer com o apartamento, porque ele era personalizado”.

Redação 96 FM
Jornalista Responsável Sérgio Silva (Radiola) MTB 5173/BA